Solidariedade?

Nas ultimas semanas tive a oportunidade de participar em eventos de Natal de algumas empresas que, pela introdução de uma palestra, tornaram o convívio mais animado e produtivo.
Em ambas falei de um conceito que muitas vezes aparece quase colado ao Natal (e quase só no Natal), a Solidariedade...
Embora a maior parte das pessoas identifiquem esta palavra com o ato de ajudar outro, dar alimentos, “arredondar” e outras coisas mais, esta palavra significa muito mais do que isso...
Pela definição do dicionário, solidariedade, significa também a qualidade existente num grupo que divide tarefas e assume responsabilidade pelo todo. Um grupo solidário é aquele que tendo uma partição de tarefas e trabalhos, todos assumem a responsabilidade e pelo trabalho de um e vice versa.

Achei este facto interessantíssimo principalmente numa altura em que as empresas enfrentam desafios, pois internamente há muito poucas a assumirem esta postura... Apesar disto, externamente, a empresa é sempre solidária, pois aos olhos do publico quando a empresa X falha ou acerta, todos os que lá trabalham falham ou acertam. Com os desafios da nova economia global, ser responsável por si é essencial e já não é suficiente para fazer um negócio brilhar!

Neste “novo” mundo empresarial, ser solidário, ou seja, ajudar os colegas, motivar outros, ser o exemplo, inovar, ser mais criativo, propor ideias é o caminho que as empresas mais bem sucedidas estão cada vez mais a tomar.
E tu? És solidário, na tua empresa, família e grupo de amigos?

Mensagem Inspiradora 79!

Quando entendemos (mesmo) porque é que algo doi, pára a dor.
Quando entendemos que temos opções, tomamos acção.
Quando entendes que tens asas, podes voar novamente...

Entendido? :)

Comportamento que gera Resultados...

Para quem já acompanha este blog há algum tempo, penso que será um ponto "assente" que os nossos resultados são na sua maioria influenciados pelos nossos comportamentos... A quem este conceito for mesmo estranho, peço que leia alguns dos posts anteriores, por forma a compreender melhor o que escrevo a seguir.

Claro que esta premissa não tem implicito que controlamos todas as condicionantes externas, pois naturalmente existe muito que não depende da nossa acção para acontecer e que pode influenciar o nosso resultado final.

Na semana passada, durante uma sessão de Introdução à PNL (pela Life Training) alguém colocou a seguinte questão: "Porque hei-de estar eu a aplicar o meu tempo e energia a trabalhar essas questões do foro interno quando um acontecimento externo pode influenciar completamente o resultado?". Eu pensei: "Excelente questão." :)

Por que raio havemos de o fazer? A que propósito havemos nós de dedicar tempo a algo, quando as condicionantes externas que não controlamos podem, num milésimo de segundo, modificar tudo?

Apercebi-me de que algumas pessoas estão à procura da "fórmula mágica", da "chave dourada", da "poção gaulesa" que magicamente faz com que tudo resulte, SEMPRE, sem hipoteses de falhar. Pessoalmente, não acredito que tal exista! E por isso convido todos que se encontram nessa busca a encetá-la noutro blog e noutras formações e serviços pois aqui não está.

O que preconizo e desenvolvi ao longo de anos de experiência, teste, estudo e procura, são processos, ferramentas e conhecimentos que quando conjugados com uma atitude vencedora e uma capacidade de trabalho e dedicação, aumentam exponencialmente as nossas hipoteses de ter gigantesco sucesso. E se não o atingirmos, a solução passa por perceber o que correu bem, entender onde podemos melhorar e voltar à carga... até conseguir o sucesso ou perceber que não o queremos e passar para outra (seguindo o mesmo processo).

Quando posto desta forma, este método parece infalivél. não é? :)
Se de facto não desistirmos, nunca verdadeiramente falhamos... a não ser quando não aprendemos!


24 de Novembro - DIA DE SER MAIS PRODUTIVO!

Neste dia em que alguns resolverão aderir à Greve Geral, achei que podia fazer e ser diferente e de alguma forma demarcar-me dos demais, fazendo ouvir a minha voz de uma forma diferente.

Qual não foi a minha surpresa (e por acaso não foi assim tanta) quando vi que há muitos mais a partilhar a mesma opinião e a mesma opção!

Deixo aqui o meu Manifesto Pró-Trabalho e desafio-te a se achares que te identificas com ele, que faças parte do grupo de centenas de pessoas que postaram no Facebook, nos seus blogs ou enviaram por email...

Quero reforçar que respeito e compreendo a posição de quem adere a esta Greve e apenas estou a advogar uma postura diferente, uma forma que mostre a quem governa e a quem se opõe de que há muitos em Portugal que querem trabalhar, produzir e exigem verdadeiras soluções e não arautos do inferno ou optimistas bacôcos.

Obrigado pela ajuda e compreensão a minha opinião.

Manifesto Pro-Trabalho:

Porque eu respeito o direito à greve.
Porque eu respeito o direito ao trabalho.
Porque acredito que há formas mais inovadores, inventivas e eficazes de fazer ouvir a minha voz!
Porque eu quero pessoas focadas em soluções para o que vivemos!
Porque exigo mais de mim todos os dias!
Porque acredito que neste momento Não produzir é o que Não queremos.
Porque quero governantes que se foquem em resolver as questões e oposição que queira ajudar na resolução!
Porque estou focado em inspirar outros a dizerem "VAMOS EM FRENTE"!
Porque sei que há muitos como eu!

Porque assumo a responsabilidade dos meus atos!
Porque quero mais para a minha vida e não estou à espera que o Governo me dê!
Porque quero ser feliz!

Eu vou TRABALHAR e tornar este o dia mais produtivo do ANO!
Posta isto no teu mural e inspira outros a fazerem o mesmo... É possivel mostrarmos que em Portugal não existe só uma forma de pensar! É possivel fazer mais e melhor!
Mostra que fazes parte da solução!

Mensagem Inspiradora 78!

O caminho para a iluminação não é de todo um caminho. Na verdade é só uma metáfora para o tempo que levamos até nos autorizarmos a sentirmo-nos bem com quem já somos, onde já estamos e com o que já temos - seja o que for.

E ainda assim querer ter mais...

Eu conheço um País...

Como defensor do "pensamento inteligente" coloco aqui um post que me chegou por email e enquanto o estiverem a ler, pensem em que formas tem de perceber o que estas pessoas fizeram por forma a podermos aplicar os mesmos principios na nossa vida e ter sucesso (mesmo em tempos "dificeis").

EU CONHEÇO UM PAÍS..."

Por: Nicolau Santos, Director - adjunto do Jornal Expresso, In Revista
"Exportar"

Eu conheço um país que tem uma das mais baixas taxas de mortalidade
mundial de recém-nascidos, melhor que a média da UE.

Eu conheço um país onde tem sede uma empresa que é líder mundial de
tecnologia de transformadores.

Eu conheço um país que é líder mundial na produção de feltros para chapéus.

Eu conheço um país que tem uma empresa que inventa jogos para
telemóveis e os vende no exterior para dezenas de mercados.

Eu conheço um país que tem uma empresa que concebeu um sistema pelo
qual você pode escolher, no seu telemóvel, a sala de cinema onde quer
ir, o filme que quer ver e a cadeira onde se quer sentar.

Eu conheço um país que tem uma empresa que inventou um sistema
biométrico de pagamento nas bombas de gasolina.

Eu conheço um país que tem uma empresa que inventou uma bilha de gás
muito leve que já ganhou prémios internacionais.

Eu conheço um país que tem um dos melhores sistemas de Multibanco a
nível mundial, permitindo operações inexistentes na Alemanha,
Inglaterra ou Estados Unidos.

Eu conheço um país que revolucionou o sistema financeiro e tem três
Bancos nos cinco primeiros da Europa.

Eu conheço um país que está muito avançado na investigação e produção
de energia através das ondas do mar e do vento.

Eu conheço um país que tem uma empresa que analisa o ADN de plantas e
animais e envia os resultados para os de toda a EU.

Eu conheço um país que desenvolveu sistemas de gestão inovadores de
clientes e de stocks, dirigidos às PMES.

Eu conheço um país que tem diversas empresas a trabalhar para a NASA e
a Agência Espacial Europeia.

Eu conheço um país que desenvolveu um sistema muito cómodo de passar
nas portagens das auto-estradas.

Eu conheço um país que inventou e produz um medicamento
anti-epiléptico para o mercado mundial.

Eu conheço um país que é líder mundial na produção de rolhas de cortiça.

Eu conheço um país que produz um vinho que em duas provas ibéricas
superou vários dos melhores vinhos espanhóis.

Eu conheço um país que inventou e desenvolveu o melhor sistema mundial
de pagamento de pré-pagos para telemóveis.

Eu conheço um país que construiu um conjunto de projectos hoteleiros
de excelente qualidade pelo Mundo.



Eu Luís Pirão, acrescento mais uns pontos à lista do Nicolau Santos:

- Eu conheço um país que é segundo em net de banda larga na Europa.

- Eu conheço um país que tem uma capital com eventos culturais
fantásticos que fazem frente a qualquer cidade do mundo. Que tem
potencialidades turísticas ilimitadas com restaurantes para todas as
carteiras e com comida deliciosa, assim como alojamento para todas as
bolsas e de razoável qualidade. Basta ir a Londres e ver toda a gente
a comer sandwiches no jardim pois a alimentação atingiu preços
exorbitantes nos restaurantes.

- Eu conheço um país com uma história ímpar que ligou todos os
continentes comercialmente pela primeira vez na história da humanidade
no século XVI.

- Eu conheço um país que tem a sua selecção de futebol neste mês de
Maio no 3.º lugar do ranking mundial em mais de 200 nações, só o
Brasil e a Espanha estão à frente com poucos pontos de diferença.

- Eu conheço um país que conquistou meio mundo no século XVI com base
no respeito pelos outros povos, com base nas trocas comerciais, com
base na diplomacia.

- Eu conheço um país que venceu os seus compatriotas espanhóis pela
força de vontade de um homem chamado Nuno Álvares Pereira e que
permitiu a paz para a nação se lançar nos descobrimentos marítimos.



Eu José Lopes, acrescento mais uns pontos à lista do Nicolau Santos e
do Luís Pirão:

- Eu conheço um País que está a criar um medicamento que previne e
combate a obesidade.

- Eu conheço um País que produz os melhores sapatos do mundo.

- Eu conheço um País que produz os fatos usados na Fórmula 1 e nos
astronautas da NASA.

- Eu conheço um País que produz o melhor software de GPS do mundo.

- Eu conheço um País que faz os melhores lasers do mundo, utilizados
na medicina e na indústria aeroespacial.

- Eu conheço um País que tem um monumento que tem 6 orgãos, sendo o
único no mundo (Convento Mafra).

- Eu conheço um País que produz os adereços utilizados pela indústria
cinematográfica de Hollywood.

- Eu conheço um País que tem a maior variedade gastronómica do mundo.

- Eu conheço um País que criou a única palete de cores para leitura de
daltónicos.

O leitor, possivelmente, não reconheceu neste país aquele em que vive...

PORTUGAL !!!

Mas é verdade.Tudo o que leu acima foi feito por empresas fundadas por
portugueses, desenvolvidas por portugueses, dirigidas por
portugueses, com sede em Portugal, que funcionam com técnicos e
trabalhadores portugueses.

Chamam-se, por ordem, Efacec, Fepsa, Ydreams, Mobycomp, GALP, SIBS,
BPI, BCP, Totta, BES, CGD, Stab Vida, Altitude Software, Out Systems,
WeDo, Quinta do Monte d'Oiro, Brisa Space Services, Bial,
Activespace Technologies, Deimos Engenharia, Lusospace, Skysoft,
Portugal Telecom Inovação, Grupos Vila Galé, Amorim, Pestana, Porto
Bay e BES Turismo.

Há ainda grandes empresas multinacionais instalada no País, mas
dirigidas por portugueses, com técnicos portugueses, de reconhecido
sucesso junto das casas mãe,como a Siemens Portugal, Bosch, Vulcano,
Alcatel, BP Portugal e a Mc Donalds (que desenvolveu e aperfeiçoou em
Portugal um sistema que permite quantificar as refeições e tipo que
são vendidas em cada e todos os estabelecimentos da cadeia em todo o
mundo ) .

É este o País de sucesso em que também vivemos, mas nós só falamos do
País que está mal, daquele que não acompanhou o progresso. É tempo de
mostrarmos ao mundo os nossos sucessos e nos orgulharmos disso.

Vamos mudar a nossa mentalidade para ajudarmos o nosso país que tanto
precisa de nós, vamos dar o primeiro passo e falar coisas positivas e
optimistas.

Mensagem Inspiradora 77!

Embora haja algumas raras excepções, quanto mais fizermos mais recebemos... exponencialmente!

Por isso, a não ser que a excepção se aplique a ti, faz mais e melhor!

Se o Obama fosse Português!



Segue o discurso com a letra que está em baixo. Depois diz-me se te sentes mais inspirado a fazer mais por ti e por Portugal.

Foi uma crença passada a um grupo de homens que batalharam o destino de uma nação.

Sim, nós podemos.


Foi sussurrada por conspiradores e independentistas enquanto trilhavam a nossa liberdade.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Foi cantada por emigrantes que saiam à procura de um futuro diferente e marinheiros enquanto davam novos mundos ao mundo.

Sim, nós podemos.

Foi o chamamento de republicanos, de um exercito de cravos nas armas, de um Infante de ouro com um sonho improvável de conquista, de uma Rainha Santa que trazia no seu regaço rosas, sonhos e uma lenda intemporal. Sim, nós podemos à justiça e igualdade.

Sim, nós podemos.


Sim, nós podemos à oportunidade e prosperidade.

Sim, nós podemos à oportunidade e prosperidade.
Sim, nós podemos curar esta nação
Sim, nós podemos reparar este mundo.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Sim, nós podemos.

Sabemos que a batalha que temos pela frente será longa, mas sempre nos lembramos que independentemente dos obstáculos que temos pela frente, nada pode parar o poder de milhões de vozes a pedir por progresso.

Foi-nos dito que não podíamos fazer isto por um coro de cínicos… que apenas falarão mais alto e mais dissonante. Foi-nos pedido que parássemos para ver a realidade. Fomos avisados para não dar às pessoas desta nação uma falsa esperança.

Mas na improvável historia que é Portugal, nunca houve nada de falso em ter esperança!


As expectativas da rapariguinha que vai uma escola degradada em Sobral do Monte são as mesmas que os sonhos do rapaz que aprende nas ruas da Amadora; e lembrar-nos-emos que há alguma coisa a acontecer em Portugal; que não estamos tão divididos como os nossos políticos querem fazer parecer; que somos um povo, que somos uma nação, e que juntos, vamos começar o próximo grande Canto da historia de Portugal com 3 palavras que ecoarão de costa a costa; do topo da serra à mais bela praia.


SIM. NÓS. PODEMOS.

SIM. NÓS. PODEMOS.

SIM. NÓS. PODEMOS.

SIM. NÓS. PODEMOS.

SIM. NÓS. PODEMOS.

SIM. NÓS. PODEMOS.

"Ai ai a crise... Está tudo tão mal!!!"

Neste tempo de mudança económica em que alguns falam de crise e outros de oportunidade achei que podia ser interessante olharmos com clareza para a nossa realidade, por forma a fugirmos aos discursos da desgraça e do “está tudo bem” e podermos mesmo pensar pela nossa cabeça.

A maioria da população é empregada por conta de outrem e por isso imagino que a maioria dos que “me lêem” também sejam. Então se fazes parte desta maioria e também da esmagadora maioria (cerca de 90% da população activa) que está empregada neste momento faz o seguinte exercício:

- Quanto é que aumentou o teu salário no ultimo ano? (a resposta pode ser 0)

- Quanto é que baixou a prestação da tua casa? (num credito de 100.000€ a prestação baixou em média 150€ nos últimos 18 meses)

- E já agora, dos outros créditos que tens?

- Reparaste nos preços mais baixos no grande consumo? (pão a 0,06€, e preços reduzidos em queijos, azeites, arroz, etc…)

- Quanto dinheiro (em média) consegues ter mais por mês devido a estas baixas e reduções?

Em média, alguém que não tenha recebido aumento de salário hoje tem mais 200 a 250€ que em altura similar no passado recente (antes da suposta crise), por isso fico curioso em saber que muitas destas pessoas acham esta conjuntura “má”!

Por outro lado, se fazes parte dos trabalhadores independentes ou profissionais liberais deste país, que trabalham sem vínculo a um patronato, pergunta-te o seguinte:

- O que é que eu fiz nos últimos 18 meses para melhorar as minhas qualificações?

- Sendo um profissional de depende do seu marketing pessoal para ganhar notoriedade, o quanto é que investi nisso?

- Se gostava de ter um vinculo permanente com a minha empresa, o quanto tenho investido para me tornar essencial a ela? Para ser absolutamente o melhor colaborador dela? Para ser imprescindível?

- Se gostava de ter um vinculo permanente com outra empresa, quantos CV’s enviei nos últimos meses? Quanto tempo investi a preparar as entrevistas? As cartas de apresentação? A perceber que função é pretendida, as minhas mais valias e os meus pontos de crescimento?

Se fazes parte da franja da população que detêm o seu próprio negocio, pensa no seguinte:

- O quanto tens investido em crescer como líder e como gestor? Em que formações tens participado? Em que cursos tens investido?

- O quanto é que te mantêns atento ao mercado, às suas mudanças, aos seus gostos, aos seus hábitos? Ou vendes o mesmo da mesma maneira há anos?

- O quanto tens investido em Marketing e em formas inovadoras de mostrar a tua marca, o teu produto, o teu serviço, a tua mais mais-valia?

- O teu foco está em vender ou em servir o teu cliente?

- Procuras clientes ou fans? Como fidelizas a tua clientela? Quanto é se sabes sobre ela? Como a surpreendes e crias uma ligação que torne muito difícil ela ir comprar a um concorrente?

Por fim, uma palavra para os que se encontram sem emprego. Respondam a todas as questões acima… Quando estamos sem emprego somos simultaneamente futuros empregados de outrem, profissionais liberais e donos da nossa empresa… A forma mais fácil de voltar ao mercado é perceber o que queremos mesmo fazer (o que nos apaixona), que capacidades temos de ter para o conseguir fazer, como nos podemos tornar atractivos para o empregador e como nos vamos tornar imprescindíveis quando estivermos a trabalhar.

Eu tenho a certeza de que se o nosso foco for a excelência e melhorar todos os dias, por muito que o mercado esteja mau, há-de sempre existir colocação para o nosso talento…

O que é que tu vais fazer para vencer neste tempo?

Para mais vídeos e recursos sobre estas temáticas consulta o Vencer GT

Top WINNER Outubro

Revista TOP Winner – Soluções práticas para o seu SUCESSO

| Adquira já a sua por apenas 3,50€ em banca ou 35€ anuais (12 números)

| Peça-nos informações por telefone ou e-mail: 213 805 049 |assinaturas@joeli.pt

ou consulte www.joeli.pt e fique a conhecer a colecção de DVD’s que temos para si!

Mensagem Inspiradora 76!

Sonhar, Imaginar, Focar, Acção e CELEBRAR!

Parece fácil... vai-se a ver e é mesmo!

Dá-lhe...

Se eu pudesse escolher...

No inicio da semana falava com algumas pessoas através do Facebook sobre se podemos escolher o que sentimos.

A questão passava não por perceber se podíamos escolher amar ou não alguém e sim por compreender até que ponto somos "donos" do que sentimos no momento.

Eu pessoalmente acredito na tríade das emoções de que já aqui falamos muito e que postula que as nossas emoções são condicionadas pela postura física que temos, onde nos estamos a focar e a linguagem que utilizamos. Estes três factores determinam o significado que damos a algum acontecimento e por consequência a emoção que lhe atribuímos.

Hoje vou escrever um pouco sobre o poder de nos focarmos no que de facto queremos, ao invés de nos focarmos no que não queremos, e da influência que isso terá na forma como nos sentimos.
Façamos um pouco de engenharia revertida e imaginemos que nos estamos a sentir mal no nosso local de trabalho (estou certo que seria uma estreia mundial se tal acontecesse). Nem sequer aconteceu nada de especial na minha vida profissional ou pessoal, simplesmente estou com uma emoção má.
Se me estou a sentir mal, devo estar a atribuir a "estar no trabalho" um significado mau... se calhar não gosto de estar ali porque não gosto do trabalho, ou não gosto do nível de pressão e/ou desafio, ou não gosto dos colegas, ou do escritório, ou do grau de trabalho manual/intelectual, etc, etc, etc...
Se me focar em tudo que o meu trabalho tem que não gosto, vou cada vez sentir-me pior e pior e pior, pois cada vez mais o meu foco vai procurar coisas que suportem o significado que estou a atribuir.

Ora experimentem fazer algo um pouco diferente... Mesma situação que a anterior, só que desta vez experimentem sentar-se por 10 minutos sozinhos (ou o mais sozinhos possíveis) e fazer uma lista das 10 coisas que gosto no meu emprego... Pode ser que goste do salário que ganhe e do que o salário me proporcione, pode ser que goste de uma ou outra pessoa lá dentro, pode ser que goste de ter uma cadeira para me sentar e me proporcionarem algumas condições, etc, etc... Quando chegar a casa (e esta parte é BRUTALMENTE IMPORTANTE) faça uma lista de como seria o trabalho ideal... pense mais além do que a espreguiçadeira na piscina e escreva o que é que teria um trabalho que o realizasse mesmo, que o fizesse acordar de manhã a saltar da cama com vontade de iniciar o dia, que de facto pusesse um brilho nos seus olhos quando fala sobre ele.

E agora o ultimo passo... o que é que pode fazer hoje para chegar mais próximo desse emprego? Com quem pode falar? A quem pode enviar um mail? Como pode concorrer? Que qualificações tem que ter? Quando é que agora é uma boa altura para começar?

Mensagem Inspiradora 75!

Do outro lado do arco-iris ha um mundo onde os passaros cantam à noite, há pessoas felizes, o amor é a resposta e ha 10.000 soluções para cada problema...

Tal como aqui... ;)

A mentira da mentira...

Num tempo em que se vive desafios economicos e sociais intensos é interessante perceber que no tecido da nossa sociedade vive algo que pode continuar a puxar-nos para baixo...

Começou a ser permitido e até aconselhado mentir...
A chamada mentira branca que supostamente serve para proteger sentimentos e não ferir susceptibilidades tornou-se para muitos a medida padrão e é cada vez mais raro ver pessoas a dar ou receber feedback honesto e sincero.

Acho esta uma situação muito triste, pois isto nada tem a ver com focar no positivo ou olhar para o lado bom das coisas, é simplesmente uma forma de eu não crescer enquanto pessoa e não contribuir para o crescimento dos outros. O feedback é o pequeno-almoço dos campeões e a mais rápida e consistente forma de todos os dias crescermos, das empresas serem melhores, dos produtos e serviços serem mais eficazes... A custa de mentiras brancas, deixamos pessoas engordar até se tornarem perigosamente doentes, deixamos empregados serem indolentes até os termos de despedir, deixamos chefes serem incompetentes até deixarem de ser chefes, deixamos empresas serem ineficientes até fecharem, deixamos créditos serem primes até rebentar a bolha...

Os 3 principios de uma liderança de sucesso (que começa em nós):

1º - Ver as coisas como elas SÃO! Sem tangas, nem mentiras, nem ilusões e sem tempestades e desgraças. Nem pior, nem melhor do que o que são!

2º - Arranjar uma VISÃO! Objectivo, meta, inspiração, etc.... Algo que nos motive, que nos inspire, que queiramos mesmo atingir.

3º - FOCUS E ACÇÃO. Agir massivamente, focado na visão, fazendo o que for preciso para a tornar em realidade.

Obrigado a todos os que têm sido fundamentais no meu crescimento dando-me o feedback verdadeiro que me faz crescer!!

Mensagem Inspiradora 74!

A unica pessoa que sabe o que é certo para ti, és TU!

A UNICA!

E se já sabes o que isso é, compromete-te com isso. Se não sabes, compromete-te com nada.

Só tu sabes...

Estás a sentir os olhos cansados... muuiiiito cansados...

A hipnose é uma parte importante do meu trabalho e adoro a abordagem ericksoniana.
Enquanto Pratictioner de PNL tive o previlégio de estudar um pouco dessa abordagem e já li muito sobre ela também...

Para todos os entusiastas que querem levar o seu interesse a um novo patamar, temos a oportunidade de realizar no final de Novembro uma Certificação Internacional em Hipnose Ericksoniana com o Prof. Dr. Stephen Paul Adler, uma sumidade mundial em hipnose e vários tipos de psicoterapia, com livros editados e 42 anos de carreira.

A Certificação é reconhecida pela American Board of Hipnoteraphy e será uma oportunidade unica de podermos usufruir em Portugal dum curso do mais alto nível como este. A iniciativa parte duma parceria entre a Big Manager Lifestyle Events e o ACT Institute.

Aconselho vivamente!

Para mais informações podem ir a http://www.actinstitute.org/formacao-hipnose-ericksoniana.html ou enviar mail para santostajorge@gmail.com.


Vencer GT

Aposto que já viram ou ouviram falar do Vencer GT! Uma plataforma sobre sucesso e motivação, criada para juntar vários conteudos de várias pessoas.

No Vencer GT encontrará uma agenda de eventos de desenvolvimento pessoal, videos sobre vários temas, ebooks e recursos valiosos, fórum de partilha e o melhor é que tudo isto é gratuito...

O grande objectivo é criarmos uma comunidade que sirva de apoio e auxilio aos nossos objectivos, onde possamos partilhar experiências, criarmos laços e ter acesso fácil e simples a vários conteudos diferentes.
A comunidade está a crescer a passos largos e funciona principalmente pelo envolvimento de todos! Por isso quero lançar-te o desafio de seres um vencedor! Quero que faças parte desta comunidade, que vejas os videos, descarregues os ebooks, participes nos foruns e partilhes esta experiência com outros...

Enquanto seres humanos, temos um poder fantástico de influenciar-mos outros, e podemos usá-lo para mandar mails em cadeia e fotos de letreiros com erros (que são engraçados!) ou podemos usá-lo para de facto tocar, emocionar e inspirar outros... Não fazemos ideia do impacto que podemos ter na vida de outra pessoa...

Por isso partilha este post e o Vencer GT!

Clica aqui para veres filmes sobre sucesso e motivação.

Mensagem Inspiradora 73!

Almas novas aprendem a aceitar responsabilidade pelos seus actos.

Almas maduras aprendem a aceitar responsabilidade pelos seus pensamentos.

E almas sábias aprendem a aceitar responsabilidade pela sua felicidade!

Sê responsável... :)

Quem é que te aconselha?

(tempo de leitura: 3 min)

Durante os últimos anos tenho estudado muito pessoas que tem e conseguem manter sucesso, principalmente em tempos de "crise" ou de mudança!
Uma das coisas a que essa pessoas prestam mais atenção é o que se chama de Peer Group ou Grupo de Influência...

O que é o Grupo de Influência?
Todos temos pessoas na nossa vida que nos influenciam de alguma maneira. Alias, normalmente, todos temos aqueles que nos influenciam positivamente e os que o fazem negativamente.
Todos temos aquelas pessoas que estão sempre a falar "do quão difícil está", de que algo não vai funcionar, de que "eles são todos iguais", de que isso é uma parvoice, de que não vale a pena tentar...
E também temos aqueles que nos dão força, que nos dão alento, que nos impelem a sair fora da zona de conforto, aquelas pessoas que tem padrões e ideias altos, que põe a fasquia lá para cima, que nos alertam dos obstáculos para que os possamos ultrapassar, que nos apoiam e auxiliam...

(agora vem a pergunta estúpida)
De que pessoas acham que se rodeiam aqueles que tem grande sucesso em relacionamentos, trabalho, dinheiro?
Dahhhhhh!!!! :)

E na tua vida? Quem é o teu grupo de influência? Faz agora uma lista das pessoas que nas diversas areas deixas que te influenciem e vê se gostas do resultado... Se não gostas, já percebeste que és tu que escolhes quem está nesse grupo!

Muitas pessoas perguntam-me: "Então se nas pessoas que me influenciam negativamente estiver a minha mãe ou pai ou irmão ou...?"
Parafraseando Tony Robbins: "Ama a tua família... escolhe um grupo de influência!"

Como escolher o grupo de influência que mais rápido me vai fazer atingir os meus objectivos?
1- Procura pessoas que estejam à procura dos mesmos objectivos que tu e partilha experiências que estão a resultar.
2- Encontra pessoas que já estejam a ter os resultados que procuras e pergunta-lhes como fizeram para chegar lá! Estas são definitivamente as pessoas que mais força, alento e estratégias te podem dar pois elas já estão no patamar a que queres chegar!

Acredito verdadeiramente (como muitos autores) que este é um dos passos essenciais para o sucesso... Escolhe agora o sucesso que mereces!

PS: Aproveita para ver o meu projecto novo (clica aqui) VENCER GT!


Mensagem Inspiradora 72!

Vê o lado bom e as intenções positivas que estão por trás.

Fá-lo por ti!

Mantêm o sorriso :):)

Mensagem Inspiradora 71!

Para "almas novas", há boas pessoas e más pessoas.

Para "almas maduras" existem só boas pessoas, embora algumas façam coisas más.

As "almas sábias" só olham para si...


Qual é o teu standard?


Como sabem tive o prazer e o privilégio de ser parte da equipa de voluntários do Anthony Robbins agora mesmo em ROMA!

Foi uma oportunidade fantástica de contactar com a energia de 4500 pessoas e poder dar o meu contributo para que a sua experiência fosse o mais proveitosa e espectacular possível...
Estavam mais de 150 pessoas na equipa de 12 países diferentes e uma delas partilhou a historia da sua chegada a Roma...

O Alex tem 21 anos, é cidadão britânico a morar em Singapura e há pouco mais de um ano e meio que acompanha o Tony Robbins. Apesar da sua tenra idade já visitou cerca de 25 países diferentes e por isso estava ansioso pela sua ida a Roma pela segunda vez. Ele não fala italiano e por isso quando saiu do aeroporto pediu indicações para chegar até à Fiera di Roma (local do evento).

Mesmo nos locais turísticos pouca gente fala italiano, mas ao fim de algum tempo, o Alex descobriu um autocarro que se dirigia para lá, só que saiu na paragem errada e viu-se perdido no meio de nenhures sem falar a língua, nem ter ninguém a quem pedir informações... Ao fim de algum tempo encontrou alguém e pediu ajuda, só que era muito difícil a comunicação e ele não conseguia saber como ia para a Fiera di Roma.

De repente, a policia aparece e interroga sobre o que se passa... Alex ficou um pouco mais aliviado pois achou que a policia poderia ajudá-lo. Os policias não falavam quase nada de inglês e depois de pedir o passaporte ao Alex começaram a interroga-lo sobre o que é que ele fazia em Itália e com quem é que estava... Nesta altura, convém esclarecer que quando nasceu, o Alex ficou cerca de 10 segundos sem respirar o que provocou danos no cérebro, o que implica que se desloque a maior parte do tempo numa cadeira de rodas motorizada e seja difícil compreender o que diz (mesmo quando se fala inglês).

Os policias recusavam-se a dar o passaporte de volta, pois diziam-lhe que ele não podia estar a viajar sozinho, que isso não era possível e por isso queriam saber com quem é que ele estava... Após o Alex explicar varias vezes que era parte do staff do Tony Robbins, que já tinha viajado por 25 países, que era isto que fazia e que apesar da sua reduzida mobilidade, ele viajava sempre sozinho e exigir o seu passaporte de volta, os policias ofereceram-se para o levar de carro à Fiera di Roma.

Final da história? Nãaaaoooo...

Levaram o Alex não para o evento, e sim para a esquadra, onde lhe negaram o passaporte e o questionavam por um numero de telefone para onde pudessem ligar para que alguém o viesse acompanhar... Alex começava a sentir-se muito perdido e foi respondendo que era isto que fazia, e sempre num tom muito amável pediu para fazer um telefonema... Pedido NEGADO!

Firme e sempre focado no seu resultado, Alex manteve a sua postura. A policia ligou então para a Embaixada Britânica em Roma para que pudessem servir de tradutores (pois nem na esquadra se encontrava quem falasse bem o inglês). Após 20 telefonemas, Alex disse: "Ou me levam lá ou me dão o passaporte e me deixam ir embora!"

A policia acedeu... Chamou um táxi e foi para Fiera di Roma!

Final da história? Nãaaaaoooo...

Quando chegou ao evento (com 5 horas de atraso), Alex deixou as malas e o computador, na sala reservada (e sem vigilância) ao staff, e rapidamente dirigiu-se para fazer as múltiplas tarefas que haviam. Como nem todos temos os mesmos conceitos sobre propriedade alheia, alguém levou o computador do Alex...

Quando no Domingo ele nos contava esta historia (com a ajuda de dois tradutores, um para italiano ou para repetir em inglês o que ele tinha dito) ele disse que nunca poderia recuperar os 3 anos de fotos ou o seu diário onde escrevia a sua alma e que o carinho, amor e apoio que recebeu de todos tinha tornado (mesmo assim) aquela quinta-feira num dos melhores dias da sua vida!

Os voluntários contribuíram para a compra de um computador, mochila e diário para o Alex, mas o mais marcante é ouvir da boca do Alex a resposta à pergunta: "E Alex, trabalhas?" ao que ele responde " Claro que sim! Sou Life Coach!"

E nós? Porque que padrões nos queremos reger? Qual é o nosso standard? Qual o grau de dor que estamos dispostos a enfrentar para chegar aos nossos objectivos?

Faz o que eu faço...

Nos ultimos anos tenho estudado muito sobre liderança e apesar de existirem diferentes abordagens há dois factores comuns a todas elas:

1 - Lidera por exemplo.
Se queres pessoas apaixonadas, mostra-te apaixonada.
Se queres pessoas empenhadas, empanha-te ao máximo.
Se queres pessoas que tragam soluções, não apresentes desculpas.
Se queres pessoas que assumam responsabilidades, sê o primeiro a fazê-lo.

2 - O Líder é um servidor.
Na actual forma de funcionamento de mercado, as empresas que estão a ter sucesso encaram-se como servidores dos consumidores. As empresas estão no mercado para servir as suas necessidades, os seus desejos, os seus anseios, etc...
A empresa só o consegue fazer se todos na organização tiverem essa filosofia e ela começa por o líder se focar em servir os seus colaboradores. Em servir as suas necessidades, em descobrir quais as suas motivações, em proporcionar as melhores consições para que ele faça o seu trabalho, em o inspirar a ser mais do que o que pensa que pode ser, a chegar mais longe, mais rápido, mais forte...

E agora vem a pergunta para 1 milhão de euros:
"Como é que eu sei se estou a ser esse líder? Como é que eu sei se estou a ser um exemplo e servidor?"

A resposta já devem ter adivinhado: "Olha para a tua equipa... Ela é o reflexo directo de ti enquanto líder! Se estiver motivada, és motivador; se for empenhada, és empenhado; se for servidora; és servidor!"

Simples (e nem sempre fácil), não é?

Mensagem Inspiradora 70!

Dar poder a outros é dar poder a nós próprios.

Celebrar outros é celebrarmos nós próprios.

Libertar outros é libertar a nossa essência...

Poder, Celebração e Liberdade para todos!

Mensagem Inspiradora 69!

Tu tens imensos presentes na tua vida, alguns mesmo extraordinários. O presente da percepção, da eureka, da criatividade. O presente da preferência, gosto e inclinação.

E há um, (sim só um) que embora sendo frequentemente esquecido é o mais sublime e profundo de todos, aquele que nos traz maraviilhas que nos maravilham e nos dá o poder de maravilhar outros. É claro, o poder de pensar; escolher um focus; ver o mundo como queremos... e viver como o que vemos.

Quer dizer, que mais daríamos a alguém que quer tudo?

:)

Mensagem Inspiradora 68!

"Refresh" importante sobre a lei da Atracção!

Passo 1: Pensa nas metas como se já as tivesses! (lugar de estacionamento já está lá, a felicidade já está lá, a riqueza já está lá)

Passo 2: Aparece todos os dias, FAZ tudo o que puderes, de todas as maneiras que souberes (e se não souberes mais, pergunta) até as teres!

Não vou dizer que o Passo 2 é HIPER importante, se não percebiam logo isso... :):)

Mensagem Inspiradora 67!

Acorda!! Lembra-te do que apaixona. Pensa nessas coisas, nesses amigos e nas aventuras que podem ser tuas. Foca-te. Liga-te. Fantasia. Imagina. Está tudo tão perto. Fala como se já tivesses pronto. Cola fotos novas no teu livro de recortes, quadro dos sonhos e na tua casa ou escritório. Prepara-te fisicamente para as mudanças que queres experienciar na tua vida. Já fizeste isto antes. Já sabes como funciona. Já vais repeti-lo. É altura de deslumbrar. É por isso que estás aqui.

AGE! AGORA!

Dia da Liberdade?



Hoje festejou-se o "dia da liberdade"... Independentemente das implicações políticas do 25 de Abril, este dia lembra-me que em Portugal a maior parte de nós tem o privilégio da liberdade.

O quanto é que estamos a de facto utilizar a nossa liberdade? As escolhas que estamos a fazer todos os dias, são mesmo as que queremos, ou escolhemos estar presos a algo que não queremos? Quantos de nós se sentem verdadeiramente livres, se sentem mesmo em controlo da sua vida...

Recentemente, ouvi uma entrevista onde um palestrante contava uma experiência de quase-morte que teve e que nesse momento surgiram-lhe 3 perguntas:
- Será que eu vivi? Será que vivi mesmo a minha vida e não a dos meus pais, professores, amigos...
- Será que eu amei? Será que amei de verdade, me entreguei, me dei, dei o meu máximo, pedi o melhor...
- Será que fiz a diferença? Se calhar não mudei o mundo, mas será que mudei o mundo de alguém...

Sinto que quanto mais acreditarmos que somos livres para escolher (e depois entrarmos em acção), mais nos vai agradar a resposta a estas perguntas quando elas nos surgirem...

Todos temos uma luz dentro de nós, não está em alguns, está em todos. Fomos todos feito para brilharmos como as crianças brilham...

Escolhe ser livre ... e vive!

Em que investes o teu tempo?


Eu acredito que o tempo é o único recurso verdadeiramente escasso que temos!
Imagina que podias investir 2 horas do teu dia a ouvir optimos palestrantes com dicas sobre como falar em publico, relacionamentos, contribuir para o mundo ou melhorar a qualidade das nossas vidas...

Parece-te bem? :)
O Life Energy do Porto acontece amanhã e já estão mais de 400 pessoas inscritas para ouvir 4 palestrantes falar com muita diversão à mistura!

Se foste um dos felizardos que conseguiu lugar, PARABENS! Se queres entrar para a lista de espera por alguma desistência, então envia agora mail para ana.vieira@lifetraining.com.pt.

Até amanhã...

Feliz Pessach


Por todo o mundo cristão hoje se celebrou a Páscoa!

Independentemente das nossas crenças religiosas podemos retirar da Páscoa, um tempo de renovação... É o tempo do perdão, da reconciliação , o tempo do amor incondicional... de olharmos para o nosso irmão e vermos as semelhanças que tem connosco, o tempo de percebermos que sendo todos seres humanos diferentes, todos temos em nós uma capacidade fantástica de sermos mais e melhores, de darmos a outra face e oferecer o perdão a outros...

Aproveita este tempo para te renovares, largares os maus sentimentos e experimentares a libertação que é poderes verdadeiramente perdoar os outros e mais importante ainda... a ti mesmo!

LIFE Energy PORTO 5/2/10

Para quem não esteve lá ou quer rever...







Obrigado por todos os que participaram e contribuiram para a energia e alegria de um evento fantástico!

PS: Vejam também auto confianca e self confidence

Team Hoyt....

E se fosse possivel?
E se eu pudesse ser feliz?
E se eu pudesse atingir o que quero?
E se valesse a pena todo o esforço, toda a luta, só para ver aquele sorriso?



Onde estás focado?!

Este HOMEM é um exemplo vivo de que somos nós que escolhemos onde nos focamos... Claro que ele não vem dizer que é fácil ou simples fazê-lo, apenas mostra que independentemente da situação é possivel!!

Cada dia podemos mesmo escolher mais e melhor...


Deixa o teu comentário...




PS: Vê também os meu sites de auto confiança e self confidence...

Mensagem Inspiradora 66!

E se te dissessem que não podias ter mais nada de NADA... Nem mais amigos, nem mais dinheiro, nem mais nada, até te sentires feliz com o que já tens?

É fácil mudar... :)

Mensagem Inspiradora 65!

Ideias Grandes, Inovadoras e que vão Mudar o mundo, existem às mãos cheias...

Pessoas que dêem passos pequeninos para as realizar, são raras!

Obrigado por seres uma delas!

Mensagem Inspiradora 64!

Aposto que hoje consegues fazer algo por alguém, que ficará para sempre na sua memória (no bom sentido...)!

Aceitas a aposta?

A pergunta que está sempre presente...


tempo de leitura: 3 min

Tenho partilhado em algumas formações uma pergunta que está sempre na minha cabeça.
Essa pergunta tem sido o motor da minha evolução enquanto pessoa, enquanto profissional, enquanto pai...

Atendendo a que sou um firme crente e que os meus resultados advêm na sua esmagadora maioria das minhas acções, podem facilmente imaginar a pergunta:
"O que é que posso fazer agora, que vai melhorar a minha performance?"
Esta pergunta não implica que não esteja satisfeito com o meu trabalho, nem sequer que não festejo os meus sucessos! O que eu faço logo a seguir é pensar em como posso fazer mais e melhor...

Ter sempre esta pergunta é muito exigente pois implica estar permanentemente a elevar os meus standards, a não me contentar com o que tenho e estar sempre à procura de modelos que que me possam ensinar e mostrar como posso chegar mais longe! Tenho o privilégio de trabalhar com um grupo de pessoas que me influência a estar sempre à procura de mais e melhor e que me serve de inspiração, sendo que além deles, eu próprio tambem busco em todo mundo pessoas que me possam elevar a fasquia.
É por esta pergunta que tenho sempre desenvolvido cada vez mais o Confiança GT 2.0, que tenho investido em novos negócios, que corro maratonas, que tenho consistentemente inspirado plateias cada vez maiores, que me tenho entregue cada vez mais à minha companheira, que desenvolvo uma relação cada vez mais forte com a minha filha, que me sinto mais humano, mais capaz... melhor pessoa!
Como é que tens TU melhorado a tua performance? O que podes fazer AGORA para ser mais e melhor?