Qual a importância de ter objectivos gigantescos?

Muitas vezes me fazem a pergunta de: “Se eu definir um objectivo muito alto posso não o alcançar. Porque hei-de eu fazer isso?

Esta é uma excelente pergunta! Será que por definirmos objectivos muito altos, não acontece desanimarmos por não acreditarmos e aí é que eles não acontecem mesmo?

É verdade, pode acontecer! A arte de definição de objectivos é muito pessoal e requer alguma prática principalmente ao nível mental, isto é, muitos de nós fomos programados desde criança para apontarmos os nossos objectivos para um pouco abaixo da média, para o risco de falhar ser mais baixo, só que esta prática condiciona as nossas respostas aos desafios.

Por exemplo:

Se pensarmos em realizar uma palestra e definimos como objectivo ter 50 pessoas na palestra, quando perguntarmos a nós mesmos “o que é que eu tenho de fazer para conseguir 50 pessoas?” vamos obter uma série de respostas. O que quer dizer que se eu aplicar todas essas respostas e todas tiverem um resultado fantástico eu vou ter na minha palestra... 50 pessoas. Ora nem sempre, nós somos capazes de fazer essa aplicação ou mantemos o focus e motivação necessária para que elas resultem a 100%, o que faz com que falhemos o objectivo.

Agora se para a mesma palestra definirmos como objectivo 500 pessoas, ou 1000? Quando fizermos a pergunta a nós proprios, que respostas vamos obter? As mesmas? Também acho que não e por isso mesmo é que seguindo as estratégias para ter 500 pessoas, mesmo que não utilizemos alguma no máximo das potencialidades, quase de certeza vamos ter bem mais de 50 pessoas na palestra.

Somos recompensados mediante a energia que damos, pelo que se enviarmos energia e esforço para conseguir 500, a probabilidade de ultrapassarmos largamente o objectivo de 50 (que é o que realmente queremos) é altíssima.

Hoje o FC Porto joga em Manchester e quem sabe um pouco de futebol, percebe que um empate no campo do adversário é um bom resultado (na Champions League). Imaginem que esse é o resultado que o FCP pretende, como acham que é mais provável conseguí-lo: se os jogadores entrarem com esse objectivo na cabeça, ou se entrarem com o objectivo de fazerem história e ganharem este jogo por 4-0?

Já ouviram dizer que não há falhanço, só aprendizagem e por isso almejem para muito mais do que realmente querem, pois isso impele-vos uma nova energia e força para conseguirem os vossos objectivos, e pouco a pouco até vão conseguir mudar as crenças que vos limitam...

Acredita em ti!


PS: Vê tambem self confidence e auto confiança

4 comentários:

Kohinoor disse...

Esta semana aprendi o META+... e este post veio como que "cereja no topo do bolo"!
Obrigado :)

Angela Maria disse...

Hoje o dia nasceu com uma mensagem: pensa grande e confia em ti!

Obrigada!

Ricardo Peixe disse...

O META+ é um excelente método sendo que falta-lhe uma parte do processo... Se quiseres investiga um pouco sobre o método SPIDER. É mais completo! E obrigado eu! :))

Ricardo Peixe disse...

É optimo encontrar pessoas com a tua paixão e determinação Angela. Acredita que tens algo muito importante a trazer a este mundo!
Beijinhos!